8 dicas para encontrar o plano de saúde certo para você!

8 dicas para encontrar o plano de saúde certo para você!

Saúde é coisa séria e não dá para contar com a sorte, e, infelizmente, no Brasil não há um bom sistema público de saúde, fazendo com que a população tenha a necessidade de adquirir planos de saúde. E a escolha de um plano de saúde ideal é complicada, pois precisam ser consideramos muitos fatores, para não ser prejudicado.

Se você se decidiu por obter um plano de saúde, mas não sabe como selecionar um, então vem com a gente. Vamos trazer algumas dicas que irão tornar a sua decisão uma tarefa muito mais simples. Então preste atenção e não perca mais tempo:

1º Reconheça suas necessidades

Antes de começar a procurar um plano de saúde, você precisa saber de tudo que necessita. Pois assim não há como se confundir quando for analisar os tipos disponíveis. Para isso, liste quantas pessoas irão participar do plano, locais que prefere ser atendido, acomodações e outros fatores que julgar pertinentes.

Dentro disso, você poderá se enquadrar em um dos seguintes tipos de plano de saúde: individual, familiar, coletivo ou empresarial, ambulatorial e/ou odontológico. Caso tenha dúvida de qual se encaixa no seu perfil, busque saber mais sobre a cobertura deles e demais características que te auxiliarão na tomada de decisão.

2º Quais suas possibilidades financeiras?

Agora que você já sabe qual o tipo de plano de saúde que precisa, de acordo com as necessidades de cobertura que possui. Chega o momento de saber até quanto você pode pagar por esse benefício. Seja muito franco, pois se endividar para garantir um bom atendimento médico não é uma opção viável. O mais certo é que problemas financeiros acabem prejudicando a sua saúde.

O que não significa que você deva optar pelo mais simples apenas para economizar. O valor dos planos aumenta de acordo com a cobertura e serviços extras que ele disponibiliza.

Por isso é possível diminuir o valor abrindo mão de certas mordomias, para priorizar por qualidade. Volte as suas necessidade e reflita sobre o que realmente importa, para não perder o plano de saúde por problemas financeiros.

3º Verifique a abrangência do plano de saúde

Uma boa forma de economizar é escolhendo planos que não tenham grande abrangência. Ou seja, que se limita ao atendimento local, por exemplo. Se você não tem a necessidade de sair da sua cidade com frequência, não há a necessidade de optar por uma cobertura nacional. Isso não deixa de ser uma mordomia a qual algumas pessoas não podem se dar ao luxo.

Essa opção depende muito do perfil daqueles que estão adquirindo o plano de saúde. Há pessoas que não podem abrir mão de uma abrangência maior, porque estão sujeitas a utiliza-la, outras nunca sequer saíram dos seus Estados, nem tem pretensão de fazê-lo. Por essa razão que a listagem de necessidades no princípio precisam se atentar para esse tipo de detalhe, que diz respeito as características do plano que virá a adquirir.

4º Verifique a proximidade geográfica da cobertura

Na hora de escolher um plano de saúde você também precisa ver qual a sua rede credenciada. Para saber quais as instituições que você poderá utilizar para o atendimento médico. Pois não adianta economizar com um plano mais barato se ele só funciona em lugares muito distantes da sua residência ou trabalho. Assim sai perdendo pela dificuldade do deslocamento.

Verifique também se as instituições são de qualidade, para que não tenha problemas futuros por não analisar todos os detalhes do seu plano de saúde. Como estará pagando, não há razão para não exigir o melhor atendimento, que alguns consultórios simplesmente não serão capazes de oferecer. Pesquise e pergunte ao máximo, para que não reste nenhuma dúvida, você tem esse direito.

5º Conheça os prazos de carência

Esses prazos são determinados pela Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS), porém, as operadoras de planos de saúde podem reduzi-los. E em hipótese alguma aumentá-los, para lucrar mais. Busque as que oferecem um valor menor, pois almejam alcançar um número maior de beneficiários.

Assim você conseguirá economizar mais um pouco e quem sabe garantir uma cobertura ainda melhor, desde que fique dentro das suas possibilidades financeiras.

Se a operadora oferece um bom serviço e traz esse desconto não tenha dúvida, essa é certamente uma ótima opção para que você consiga se ver livre do atendimento do SUS. Que a cada fica mais precarizado, ao invés de melhorar.

6º Em casos de doenças pré-existentes?

Se a razão para buscar um plano de saúde for a presença de uma doença, então tome cuidado com as estratégias da operadora. Legalmente elas não podem recusar alguém por apresentar algum problema médico.

Porém, futuramente, ela pode suspender o atendimento de determinados procedimento por até dois anos. Ela também poderá aumentar o valor da sua mensalidade, alegando a existência de uma doença pré-existente.

Não é indicado que se tente esconder esse problema na hora de adquirir o plano, pois as operadoras poderão descobrir. Mas busque negociar, para não passar por esse tipo de problema futuramente. Pois é no momento em que mais precisar que isso poderá ser usado contra você.

7º Busque operadoras descomplicadas

Estar doente já é ruim o suficiente, você não vai querer se preocupar com problemas burocráticos nesse momento. Por isso verifique como a empresa trabalha com relação ao atendimento. Se ela oferece agendamento de consultas online, por exemplo, estará facilitando a sua vida.

Pois seria péssimo enfrentar um problema com relação a autorização na hora de um internamento. Essa praticidade parece até com uma mordomia, mas vale a pena investir em empresas que não apresentem esse tipo de dificuldade. Pois tudo que você não precisa em momentos de doenças, é ter que passar por esse tipo de problema.

8º Verifique a avaliação dos beneficiários

Conheça o que os beneficiários falam a respeito da operadora de plano de saúde. Isso pode ser feito de maneira informal, através de pergunta para familiares e amigos que usufruem do seu serviço.

Ou a partir do nível de satisfação dos usuários e notas que ele recebeu no ‘Espaço Qualidade” da ANS. Agora você está pronto para fazer a sua escolha e não se arrepender depois por falta de análise.



VOLTAR

Faça sua solicitação aqui